Reestruturação de empresas

Reestruturação de empresas pós crescimento

A reestruturação de empresas é importante porque adequa a companhia para um novo ritmo de operações. Especialmente após um período de crescimento, alguns processos que já fazem parte da cultura da empresa devem ser refeitos e mudados, pois podem não ser mais os melhores e mais indicados para a nova realidade. 

Após operações de expansão, muitos empresários se encontram com grandes operações e um maior número de colaboradores. Muitas vezes, porém, os sistemas, a forma de gestão e o know-how antigos não são suficientes ou adequados para o novo porte da companhia, fazendo a reestruturação de empresas necessária. 

Antes do crescimento, é necessário fazer um planejamento empresarial que estime, mesmo que minimamente, como a empresa será afetada. Calcular quantos colaboradores serão necessários após a expansão, assim como todas as demandas financeiras oriundas disso, é um passo importante da reestruturação de empresas. 

Como fazer a reestruturação de empresas? 

Mesmo sendo feita majoritariamente pelas companhias com problemas ou dívidas, a reestruturação de empresas é uma coisa positiva e que ajuda as companhias a voltarem para o prumo. Saiba como realizar a reestruturação empresarial e quais são os principais pontos de atenção a considerar durante esse processo. 

Adequar processos administrativos para o porte atual da empresa

Depois de expandir as operações, é comum que muitos funcionários sejam contratados e a equipe aumente bastante em pouco tempo. Isso faz com que o gerenciamento dos trabalhadores precise ser mais assertivo e detecte condutas incorretas com maior rapidez. 

O crescimento no número de colaboradores faz com que a forma de gerenciá-los mude. Em empresas pequenas, o contato direto com os gestores é maior e mais próximo, enquanto em empresas com um grande número de funcionários, reunir todos é um processo difícil e que demanda tempo. 

Por isso, é necessário que novas ferramentas e técnicas de gestão sejam aprendidas e aplicadas. Com elas, é possível gerir colaboradores, apontar qual é o melhor caminho a ser seguido e ouvir suas sugestões e apontamentos de forma eficiente, visando sempre organizar a empresa

Além da gestão de pessoas, a parte administrativa também deve ser melhorada. Cuidar dos pagamentos, contratações, recolhimento de impostos e outros pormenores exige atenção. No entanto, fazer isso após um aumento expressivo de colaboradores pode complicar a atuação harmoniosa da empresa. 

Investir em softwares de gestão e contabilidade é uma boa opção para coordenar as diferentes atribulações administrativas e financeiras. Na internet você pode encontrar diferentes opções de sites que ajudam na gestão da sua empresa, e até mesmo plataformas que impulsionam o crescimento de negócios. 

Atente-se à precificação e lucro dos produtos

O preço dos produtos e serviços é calculado para cobrir os custos necessários com a produção e gerar lucro, mantendo a empresa e suas operações. Contudo, é comum que o preço não seja recalculado com base nas novas despesas da companhia, especialmente após a contratação de pessoas ou vendas para lugares distantes.   

Após o crescimento, o número de colaboradores costuma aumentar, assim como as despesas com seus salários e benefícios. A venda também é maior, sendo necessário cobrir os custos com a produção, embalagem, distribuição e logística desses itens. Tudo isso deve ser levado em conta na reestruturação de empresas.

Vender produtos ou serviços pelo preço incorreto faz a companhia perder dinheiro, dificultando suas operações a longo prazo e até mesmo quebrando o ritmo de crescimento recém conquistado. Rever os preços é necessário para que se confirme se o ganho é suficiente para custear a operação ou não.  

Cortar custos sempre que necessário 

Assim como o reajuste de preços é necessário, talvez o corte de custos comece a se mostrar prioridade. Como tudo na empresa está em maior número e possui uma maior proporção, pequenos custos que antes podiam ser ignorados tomam corpo e tornam-se muito maiores conforme a operação cresce. 

Ter um planejamento de empresa atualizado e fiel, assim como finanças organizadas, lhe permite uma visão panorâmica de todos os gastos e despesas. Isso lhe dá o poder de escolha para decidir o que pode ser cortado e excluído da categoria de despesas frequentes. 

Crescimento com organização é na Nexoos

Se você já passou da fase de querer saber como fazer sua empresa crescer, pode ser hora de outro questionamento. Vale sempre se perguntar se a gestão está condizente com o atual porte da companhia, e se não é necessária uma reestruturação de empresas.

Independentemente de qual momento você esteja passando, na Nexoos você encontra dicas especiais para os empreendedores, especialmente para quem quer impulsionar o crescimento dos negócios. Conheça mais detalhes sobre as nossas soluções no nosso site! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This
Rolar para cima