Contrato de empréstimo

Atualmente existem diversas formas de se conseguir crédito no mercado, onde uma gama de instituições financeiras o disponibiliza de acordo com a sua necessidade ou perfil. Contudo, diante tanta facilidade e praticidade, é muito importante ter cautela ao assinar um contrato de empréstimo.

Prestar atenção na confiabilidade das ofertas que estão sendo apresentadas a você é fundamental, pois nenhuma empresa cede crédito sem visar algum tipo de retorno.

Neste artigo vamos mostrar quais são os principais fatores que devem ser observados na hora de assinar um contrato de empréstimo. Dessa forma, você evitará surpresas desagradáveis no futuro.

Interessado em saber mais sobre o assunto? Então continue com a gente até o fim!

Se sua empresa está precisando de crédito para capital de giro, refinanciamento ou expansão, conheça a Nexoos e confira as melhores taxas de juros para sua empresa! Não precisa de garantias reais e o processo online é rápido, simples e seguro.

Clique aqui e faça uma simulação agora!

 

Taxas de juros

Não feche contrato com a primeira empresa que oferecer alguma proposta. O ideal é pesquisar diferentes instituições e observar as taxas de juros cobradas por cada uma. Assim, com diversas oportunidades na mão, você pode escolher por aquela que possui as menores taxas de juros.

É importante ressaltar que diferentes organizações podem oferecer diferentes tipos de vantagens para você. Logo, é importante bater de porta em porta para não correr o risco de contratar aquela que oferece menos vantagens e maiores juros sobre o crédito.

Sistema de amortização

Observe quais são os modelos de amortização de parcelas utilizados no contrato e opte pelo sistema que melhor se encaixa ao seu perfil. Caso surja a possibilidade de adiantar uma ou outra parcela, é essencial saber quais são as vantagens em quitar sua dívida antecipadamente.

Custos adicionais

É muito comum encontrar em contratos, principalmente de empréstimos, cobranças que não são discutidas de forma direta ou explicita durante o acordo de firma do contrato. Geralmente eles estão incluídos de forma bem discreta nas entrelinhas.

Sendo assim, leia o contrato com calma e se for necessário discutir sobre algo que esteja sendo cobrado de forma indevida ou que não foi falado durante a negociação, não deixe de questionar.

Condições acordadas

Como já foi dito, é muito importante ler o contrato com calma para não ser pego de surpresa. Além de verificar se existem ou não cobranças indevidas, você conseguirá confirmar se tudo que foi acordado de forma verbal e proposto pela entidade financeira está presente no contrato que será assinado.

Diversas empresas sutilmente adicionam condições no contrato que até podem parecer bobas, mas impactam e muito na dívida que você está assumindo.

Custo efetivo total (CET)

É importante levar em consideração o custo efetivo total do empréstimo. Com ele você conseguirá enxergar se todas as taxas cobradas estão de acordo com o que lhe foi prometido e o que realmente está no contrato.

Outra utilidade muito boa do CET é a otimização de tempo durante o processo de comparação entre as diferentes ofertas de empréstimos que foram oferecidas.

Assinar um contrato de empréstimo pode até parecer ser algo simples, e de fato é, se você não levar em consideração todos os pontos discutidos em nosso post. Portanto, se você não deseja ser prejudicado após contratar algum crédito, tome bastante cuidado e atenção.

Este artigo foi útil? Sim? Então agora que você já sabe como escolher e assinar um bom contrato de empréstimo, não deixe de entrar em contato com a gente!

1 comentário em “Contrato de empréstimo”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This
Rolar para cima